festa

e então me vejo resumida a um jogo
de peças de dominó enfileiradas
no centro da sala

ao primeiro toque posso desmoronar
e desmorono, velozmente, 28 retângulos
de madeira caem lânguidos

pleqpleqpleqpleqpleqpleqpleqpleqpleq
uns por cima dos outros e todos ao chão
amontoados como corpos

e ao toque de cada peça sobre cada peça
um foguete colorido sobe ao céu
e tudo que é meu sobe junto

um espetáculo de vinte e oito foguetes
coloridos para os que olham
o céu neste momento

eu não olho, tenho algo mais importante
para ver, mas estou cego de repente,
a luz se esfarela, onde estou?

consigo medir o estrondo do acontecimento
pelo silêncio do instante que precedeu
a queda das peças

é deste tamanho
a mágica de um segundo valeu
o tempo do enfileiramento

é possível medir o choque do acontecimento
pelo pouco volume em minha voz
o resto não meço.

Compartilhar